Desembargador vai ao CNJ para adiar escolha de dirigentes para TRE/PI

A votação para a escolha dos novos desembargadores que irão compor a corte eleitoral no Piauí será na próxima segunda feira, 04/11.

O desembargador Francisco Antônio Paes Landim Filho atual presidente do tribunal regional eleitoral do Piauí decidiu entrar com um pedido de tutela de urgência no conselho nacional de justiça para impedir que o tribunal de justiça do Piauí escolha de acordo com o regimento interno do TJ/PI, os nomes dos novos desembargadores que irão compor a Corte eleitoral do Piauí. Os nomes para compor o TRE/PI são os desembargadores  James Pereira  e Erivan Lopes.

Foto: TELSÍRIO ALENCAR/PAUTAJUDICIALSede do tribunal regional eleitoral do Piauí
Sede do tribunal regional eleitoral do Piauí

É que no meio da escolha  dos novos dirigentes eleitoral pelo  TJ/PI, surge o fato que o desembargador Paes Landim tem mais quatro meses de mandato de acordo com código eleitoral, em razão do impedimento dele em 2018.

O que segundo os membros do tribunal de justiça de justiça, não impede da Corte fazer a escolha e indicar os novos dirigentes. Mas o atual presidente do TRE/PI requereu ao presidente do TJ/PI que suspendesse a escolha até que finde seu mandato em 06 de abril de 2020.

Diante do pedido de Landim endereçado  ao presidente do TJ/PI, Sebastião Martins  decidiu encaminhar ao pleno do tribunal para votar o pedido de Landim. Fato que o deixou inconformado  e  levou caso em tela para CNJ.

Até o  fechamento dessa matéria o Conselho Nacional de Justiça não havia decidido sobre o pedido de liminar do desembargador Landim.

A informação obtida pela Pauta Judicial dá conta de que o atual presidente do TRE/PI pretende disputar o cargo de vice presidente da Corte eleitoral que acumula o cargo também de corregedor eleitoral.

VEJA AQUI NA ÍNTEGRA A PEÇA DE LANDIN AO CNJ: CLIQUE

A escolha dos nomes para compor a justiça eleitoral será dia 04/11, no pleno do tribunal de justiça.

Fonte: REDAÇÃO

Compartilhe este artigo:

Facebook

Enquete

Qual a sua avaliação sobre a gestão de Celso Neto á frente da OAB/PI?

  • 11,54%
  • 7,69%
  • 7,69%
  • 26,92%
  • 42,31%
  • 3,85%

Total: 26 voto(s)

Encerrada em 19/11/2019 14:40

Últimas Notícias

1