Cabo que atirou em cantor havia saído da prisão no mês passado

Policial da Padaria estava preso desde dezembro pelo sumiço do BNB e saiu agora do sistema prisional e não poderia portar arma.

O cabo da Polícia Militar do Piauí Wanderley Rodrigues da Silva, que nesta quinta-feira (17) se envolveu em uma briga na Panificadora Ideal, zona Leste da capital do Piauí, estava em liberdade provisória.

De acordo com Alvará de Soltura assinada pela juíza da 9ª vara Criminal de Teresina, Valdênia  Moura Marques de Sá, o cabo da PM R. Silva não estava autorizado a andar armado e nem beber bebida alcoólica, sobe pena de sua prisão ser revogada.

Foto: ReproduçãoPolicial da Padaria estava preso desde dezembro pelo roubo do BNB e saiu agora do sistema prisional e não poderia portar arma.
Policial da Padaria estava preso desde dezembro pelo roubo do BNB e saiu agora do sistema prisional e não poderia portar arma.

O cabo da PM R. Silva se encontrava preso desde dezembro, acusado juntamente com o soldado Erasmo de Morais Furtado, ambos lotados no 5º Batalhão de Polícia Militar, de ter sumido com o dinheiro do assalto ao Banco do Nordeste.

O MINISTÉRIO PÚBLICO QUER O CABO R. SILVA NOVAMENTE NA PRISÃO:

E foi extamente baseado na decisão da juíza que o ministério público através 9ª promotoria de justiça solicitou a revogação da  liberdade provisória concedida ao militar que atirou no músico Saulo Dugado.

Foto: ReproduçãoO MP quer a revocação da liberdade concedida ao Cabo R. Silva
O MP quer a revocação da liberdade concedida ao Cabo R. Silva
Foto: ReproduçãoO MP quer a revocação da liberdade concedida ao Cabo R. Silva
O MP quer a revocação da decisaõa que concedeu  a liberdade  ao Cabo R. Silva

A informação repassada á redação do pauta judicial é de que a gerencia da panificadora teria dado um ano de café grátis ao cabo R. Silva em reconhecimento pelo ato heroico ocorrido na manhã de ontem 17/05, nas dependências da padaria, quand o mesmo atirou no músico piauiense.   

Menos de 24h depois que se envolveu na briga da Panificadora Ideal, zona Leste de Teresina, quando partiu em defesa de funcionais e clientes que estavam sendo agredidos verbalmente pelo cantor Saulo Dugado, R. Silva virou o herói.

Foto: ReproduçãoEle aparece pousando em foto junto com os funcionários, que nas redes sociais passaram a exaltar a sua coragem e determinação em enfrentar o cantor.
Ele aparece pousando em foto junto com os funcionários, que nas redes sociais passaram a exaltar a sua coragem e determinação em enfrentar o cantor.

Ele aparece pousando em foto junto com os funcionários, que nas redes sociais passaram a exaltar a sua coragem e determinação em enfrentar o cantor.

Fonte: REDAÇÃO

Compartilhe este artigo:

Facebook

Enquete

Qual sua opinião sobre porte de armas no Brasil?

  • 5,97%
  • 19,4%
  • 41,79%
  • 4,48%
  • 8,96%
  • 10,45%
  • 7,46%
  • 1,49%

Total: 67 voto(s)

Encerrada em 30/11/2017 17:07

Últimas Notícias

1